quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

O Mágico

  Simplesmente fantástico!

Do mesmo diretor de As Bicicletas de Belleville(2003) que ainda não tive a oportunidade de assistir.
A animação"O mágico" é encantadora, assim como os personagens caricatos, excelente e tranquila trilha sonora, beleza de cenário das ruazinhas de Paris, Londres e Escócia por onde ele viaja em busca de uma sorte diferente para as suas apresentações. Ruas essas muito representativas por suas cores, lindos e pequenos detalhes, beleza que nos traz um imenso fascínio só com a fotografia da história.

Li um título de reportagem no espaço unibanco onde assisti a animação, título esse que dizia: filme "Triste e Belo" e tem todo sentido! Filme triste e Belo...
Cheguei até pensar que no final teria um desfecho feliz, mas acho que se fosse assim não teria essa magia.
Demonstra de maneira delicada e cheia de detalhes e encanto vários momentos, vários gestos, vontade de suprir as ilusões alheias e as suas próprias ilusões. Entretanto, ao final apaga-se as luzes sobre todas as coisas, o ventríloquo que era querido para o artista, o sapato que a menina iludia-se, os lugares na cidade, e a frase depois de todas as tentativas, desilusões e desfecho da história:

"Magicians do Not Exist"



video

Nome: O mágico
Nome Original: L'illusionniste
Origem: França
Ano de produção: 2010
Direção: Sylvain Chomet

Nenhum comentário:

Postar um comentário